BLOG SPORT BIKE

"NUNCA ANDE PELO CAMINHO TRAÇADO, POIS ELE CONDUZ SOMENTE ATÉ AONDE OS OUTROS FORAM". Alexander Grahan Bell.

Translate

quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

Bikers de Campinas descem a Serra do Mar.

Que tal ir para o litoral sul de São Paulo de bicicleta? Pois bem, a novidade mexeu com a adrenalida de quase 100 ciclistas de Campinas e região que lotaram dois ônibus rumo a capital paulista. Eram cinco horas da manhã e a maioria dos bikers nem dormiu na madrugada do dia 19, último, pois a ansiedade contagiou a todos. Um pedal que, sem dúvida, ficará para a história de quem gosta de pedalar longas distâncias.
O passeio começou pelo bairro do Grajaú, na região sul de sampa. De balsa, atravessamos a repressa Billings até São Bernado do Campo. De lá acessamos a rodovia dos Imigrantes e atravessamos um pedaço da Mata Atlântica com muitos obstáculos entre poças, piscinas de areia e riachos. Uma corrente humana teve de se formar para as magrelas poderem passar. Foi de suar e, literalmente, sujar a camisa. Já na descida da Serra do Mar, pela estrada velha, o contraste entre a natureza e o concreto. Que agressão aos nossos olhos. Mas a paisagem é maravilhosa. Ora estávamos acima das pontes da Imigrantes, ora estávamos debaixo delas. Sob neblina, chuviscos e sol, assim descemos o Parque Estadual da Serra do Mar. Um pedal que pode ser único, caso o projeto Rota Márcia Prado (ciclista morta por atropelamento na avenida Paulista em janeiro de 2009) não seja viabilizado pelos órgãos competentes.

Mais fotos no link abaixo.

Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

Pedal Solidário

O Domingueiras Bike realizou, no dia 13 de dezembro, um pedal solidário. Crianças do Naeca - Núcleo Assistencial e Educacional da Criança e do Adolescente, do distrito de Souzas (Campinas-SP) -, foram visitadas pelos ciclistas que presentearam cada uma delas. A entrega dos presentes ficou por conta do Bike-Noel que fez a alegria de umas e o "desespero" de outras. Por que será, hein? Pelo tamanho da barriga? Ou seria do Noelzinho ser muito feio? Coitado do "bom" velhinho. Até o nome da criançada ele estava trocando. OH, OH, OH... Feliz Natal pra todos!!!
Veja as fotos no link abaixo.

Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

MTB em Campinas no OxigênioTV

Como colaborador do programa OxigênioTV, exibido toda quinta-feira, às 22h30 no BandSports (às 21h em dia de transmissão de jogos), produzi uma matéria sobre MTB no distrito de Joaquim Egídio, em Campinas-SP. Acesse o link abaixo e veja a reportagem. Ela encontra-se durante a entrevista da atleta Marizete Moreira.


http://oxigeniotv.com.br/#view/oxigeniotv--marizete-moreira--bloco-1-04023060E4891386

Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

terça-feira, 1 de dezembro de 2009

Comunicado importante do Campinas Bike Clube

Este Comunicado serve para quem frequenta, pedala e treina corrida (pedestre) na Lagoa do Taquaral, em Campinas. Tomem cuidado nesta região porque está havendo asssalto e roubo de bikes. Eu recebi um comunicado de um conhecido que foi vítima de dois indivíduos que tentaram roubar sua speed próximo ao 4º Distrito Policial. Os meliantes estavam em uma moto e, quando chegaram próximo ao ciclista, anunciaram o assalto, pedindo para a bike ser entregue. O ciclista não deu ouvidos aos assaltantes que continuaram o ameaçando com uma faca. Como ele estava próxima ao 4º DP, gritou para os policiais que imediatamente abordaram um dos indivíduos e outro conseguiu fugir. Portanto, amigos bikers ou outra pessoa qualquer que frequenta a Lagoa do Taquaral, muito cuidado no local principalmente se estiver sozinho. Abraços a todos.
Rogério M. Palomo, integrante do CBC - Campinas Bike Clube.
Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

terça-feira, 24 de novembro de 2009

OxigênioTV

Na próxima quinta-feira, dia 26, será exibida uma reportagem sobre um pedal realizado no distrito de Joaquim Egídio (Campinas), no início deste mês. O programa chama-se OXIGÊNIOTV no BandSports - toda quinta-feira às 22h30 ou 21h em dia de jogo. Na segunda-feira, 23, fui a São Paulo conferir a edição da matéria. Vale a pena ver. O vídeo será postado também no www.oxigeniotv.com.br
Para quem gosta de ciclismo e corrida pedestre, a editora EsferaBRMIDIA também publica mensalmente duas revistas: VO2 max e O2, respectivamente. Outra opção sobre o que acontece de mais importante sobre o mundo de duas rodas é o site Prólogo - www.prologo.com.br
Boa diversão!

Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

sexta-feira, 20 de novembro de 2009

SOS Planeta Terra

No início deste ano, moradores do sul da Austrália enfrentaram temperaturas superiores a 44°C. Nem os simpáticos koalas suportaram o imenso calor. Eles não se intimidaram e "correram" atrás de quem pudesse ajudar, como nas fotos abaixo. Salve, salve nossas espécies. Só "surdo" não ouve o grito de desespero do nosso planeta.

Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

terça-feira, 17 de novembro de 2009

Que tal pedalar 236 km num único dia?

Tal façanha surgiu da vontade e muita coragem de pedalar sozinho do meu colega, do Domingueiras Bike, Denis Rodrigues. No dia 11 de outubro, ele e sua magrela partiram para o grande desafio. Os 236,37 km foram pedalados em 13h40. Haja pernas para vencer tamanha distância. Alguém se habilita em acompanhá-lo num pedalzinho básico?
Veja o relato completo da sua cicloviagem no link abaixo.
Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Dá-lhe, Waltão!!!

Olha o Waltão aí geeeeeente!!!
O que seria dele se a loiraça do muro não desse bola??? Ei Waltão, cuidado com o que vem por trás!
Tudo bem, outra foto mais comportada: o pessoal bagunçando no coreto de Tuiuti. Como vocês são meu amigos, aí estão pelo menos duas fotos para registrar o momento. Ficaram felizes!?!?

Da esquerda para direita: Rodrigo, Zé, Cidão e Zwi. No alto, Waltão.
Foto: Anthony
Paredão anunciando carnaval de Tuiuti.

Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

Grupo de Pedal Domingueiras Bike é premiado no Salão Duas Rodas

Conhecido internacionalmente, o Salão Duas Rodas aconteceu entre os dias 7 e 12 de outubro no Anhembi, em São Paulo. Trata-se de um evento que promove a troca de ideias e experiências sobre tudo que há de melhor em motocicletas e bicicletas. Local ideal para o lançamento de novidades, estimulando comercialmente o mercado sobre duas rodas. A edição 2009 foi marcante para a cidade de Campinas. O grupo de pedal, Domingueiras Bike, através de um de seus coordenadores, Eduardo Feliciano Sans Gomez - o Du Gomez -, foi premiado no Concurso Cultural: Liberdade Sobre Duas Rodas. Gomez, participou do concurso com a foto de 120 ciclístas durante a subida da Serra na Rodovia dos Imigrantes, em novembro de 2008.
Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

terça-feira, 13 de outubro de 2009

Pedal "Dia das Crianças"

Jovens de todas as idades e, principalmente, a criançada fizeram a festa pelas ruas e avenidas do distrito de Barão Geraldo, dia 12, em Campinas. Foi um pedal muito divertido organizado pelo Ecos Bikers. Não faltou animação, nem por parte do grupo que se vestiu a caráter para comemorar o Dia das Crianças. A organização do evento não poupou esforços para a segurança dos pequenos e dos adultos, também. A ProSport seguiu os ciclistas para alguma manutenção de emergência. E por falar em emergência, o Samu também esteve na retaguarda em caso de algum acidente. Parabéns a todos.



Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

Protesto dos 76 Kms

Estou furioso!!! Isso mesmo, muito bravo com aqueles que dizem ser meus amigos: Zé, Waltão, Cidão, Zwi e Rodrigo. Sábado passado retornei, depois do capote, a pedalar com eles aos sábados. Para a minha surpresa fomos até a cidade de Tuiuti, a 15 quilômetros de Morungaba. A distância parece pouca, mas não podemos esquecer do retorno ao distrito de Joaquim Egídio, Souzas, ou seja, uma subida "violenta" de 6 kms até o Pico das Cabras (observatório de Campinas). Enfim, foram 76 quilômetros pedalados, e como sempre só subida. Descida que é bom, nada!!! Como protesto, vou ficar devendo as fotos... eh eh eh... a bagunça no coreto da cidadela e o Waltão ao se deleitar com a moça da praça. Ops, melhor eu explicar... aquela loira "pintada" num certo muro da cidade, divulgando carnaval fora de época de Tuiuti. Eita loiraça, né Waltão!?!? Abraços,
c a m a r a d a s !
Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

quinta-feira, 8 de outubro de 2009

OS 13 MANDAMENTOS PARA A SEGURANÇA DE UM BIKER

Para muitas pessoas o número 13 está relacionado ao azar. Se é verdade ou não, é bom nós ciclistas acreditarmos que o "13" é número de sorte e seguirmos os 13 mandamentos relacionados à segurança de um biker. Basta acreditar. Boa sorte!!!
1 - Acessórios de Segurança
Equipe sua bicicleta com sinal sonoro, espelho retrovisor do lado esquerdo, refletores traseiros, laterais e no pedal, pois eles são obrigatórios segundo o CTB (Código de Trânsito Brasileiro);
2 - Roteiro
Antes de sair de casa, estude o roteiro a seguir. Dê preferência por ruas com um menor fluxo de trânsito;
3 - Sinalização
Obedeça todo o sinal de trânsito e nunca pedale na contramão;
Sinalize suas manobras com as mãos;
4 -
Cuidado na via pública
Mantenha-se sempre à direita perto da calçada, mas não em cima desta, pois pode atrapalhar os pedestres;
5 -
Quando necessário desça da bicicleta
Em cruzamentos, pontes e viadutos mais perigosos desça da bicicleta e empurre-a olhando para trás e para frente;
6 - Nos semáforos...
Nos semáforos, aguarde que o fluxo de carros saia primeiro, depois você ciclista;
7 - Atenção com as portas dos automóveis
Cuidado com os carros estacionados, o condutor pode abrir as portas a qualquer momento.
8 - Esse é um dos acidentes que ocorrem frequentemente com os ciclistas, já que muitos também continuam andando entre os carros quando o trânsito está parado;
9 - Use Farol e Luz piscante
À noite seja luminoso e visível. A luz de um dínamo tem vantagem de ser potente. Mas na traseira é recomendável um refletor e uma luz vermelha intermitente, porque as pilhas não se apagam quando parar nos semáforos;
10 - Use o Capacete
O controvertido tema do capacete, quanto sua obrigatoriedade do uso ou não é discutível, entretanto, o bom senso recomenda seu uso. Afinal, é a sua cabeça que está em jogo;
11 - Não confie no motorista
Não arrisque sua vida confiando no fato de que o motorista tem que respeitá-lo;
12 - Cuidado com óleo automotivo
Quando estiver trafegando em ruas de paralelepípedo, cuidado com as manchas de óleo deixada pelos veículos. Elas são armadilhas escorregadias;
13 - Evite escutar música
Não use rádios ou walkmans enquanto pedala. Eles podem distrair sua atenção não permitindo observar os perigos a sua volta.
Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

terça-feira, 6 de outubro de 2009

União entre grupos de pedal

Domingueiras Bike na Lagoa do Taquaral

O que eu mais admiro nos passeios ciclísticos de Campinas e região é a integração entre os grupos de bikers. No domingo passado, dia 04, o Domingueiras Bike saiu pontualmente às 7h15 do portão 1 da Lagoa do Taquaral, como de costume, dessa vez rumo à Praça do Coco, em Barão Geraldo, onde ciclístas do Ecos Bikers se reúnem toda quarta-feira à noite, além dos sábados e domingos para pedalar. Essa "união" formou um grupo de 43 ciclistas que enfrentaram mais de 40 quilômetros de distância entre trilhas que cortam platações de cana-de-açúcar, pastos, e mata fechada com direito a igarapé e/ou pequenos riachos. O passeio foi show até a triste ligação para o nosso amigo Rômulo, mais conhecido como Carioca. Do outro lado da linha, a informação do falecimento de seu pai. Estávamos numa simpática praça, na cidade de Paulínia, digamos, uma miniatura da Lagoa do Taquaral. Conseguimos uma carona para que o Carioca voltasse para casa o mais rápido. Daquele ponto em diante também voltamos a pedalar e o silêncio se fez presente até a chegada à Campinas. Diante a alegria contagiante de mais um pedal e a tristeza de uma notícia nada agradável, valeu a integração entre o Domingueiras e o Ecos, além da solidariedade de todos nós ao nosso amigo Carioca. Graças a Deus ele superou o difícil momento e logo, segundo ele, estará conosco desbravando novas trilhas com a sua companheira bike.

Praça do Coco em Barão Geraldo

Breve parada para reunir o grupo
Fotos do passeio no link abaixo.
http://picasaweb.google.com.br/sergiozapsantos/DomingueirasBike?authkey=Gv1sRgCNmz1e6tltzy8gE&feat=email

Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

terça-feira, 29 de setembro de 2009

Cuidado com o balde.

Um comerciante muito bacana e solidário dá aquele banho de balde num ciclista que estava com muiiiiito calor. Diante a tal circunstância é melhor pensar que o nosso "amigo" queria dar uma mãozinha, não é mesmo???

Como diz o Senor Abravanel: Quem quer (dinheiro) um banho de balde???

Ciclista 1: Eu!

Ciclista 2: Aqui!!!

Ciclista 3: Obá!!!

Ciclista 4: Tô chegando!!!

Ciclista 5: Não esqueça de mim!

Ciclista 6: Quero bem cheinho!!!

Obrigado senhor dono do balde, todos nós ciclistas agradecemos a devida atenção. Até a próxima, e não se esqueça do balde... bem cheinho. Valeu!!!

Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

Uma paradinha para...

Pedalar é bom, praticar exercício físico também. Uma paradinha para orar, principalmente para agradecer pela saúde, pelo pique e pela segurança de chegar bem em casa. Estes são os meus amigos que foram do Cafezal para a Areia Branca. O Rodrigo (autor da foto) se queixou de uma s u b i d i n h a ... Pedal bom sem subida não tem graça, não é mesmo turma!?
Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Todo sábado às 7h30 em Joaquim Egídio

Se tem um pessoal super animado é este abaixo. O grupo não tem nome, apenas vontade de pedalar. Ele é composto por 7 ciclistas e meio. E meio??? Sim, explico o por quê: primeiro vamos aos nomes de cada integrante. Da esquerda para a direita - Zwi, Emerson, Zé, Cidão (ao fundo), Waltão, Rodrigo e eu (autor da foto). O 1/2 de quem me referi é o Norberto, ou seja, quando ele resolve aparecer para pedalar. Nesse dia ele não compareceu no local combinado de todo sábado pela manhã, às 7h30 (sem atraso) no posto de combustível desativado de Joaquim Egídio. Quem quiser fazer parte do grupo sem nome, o convite está feito. O vídeo deste pedal pode ser conferido na postagem do dia 27 de agosto. O percurso desse sábado, dia 26, será do Cafezal até a Areia Branca. Quem quer arriscar??? Certeza que o Rodrigo vai... por que será??? Seria para testar a nova amiga bike!?!? Bom pedal para todos.

Foto para marcar nossa presença.

Hora de tirar a terra do tênis.

Essa mão na cinturinha... para onde o Zé está olhando?

Mais um colega... Dr. Maurício (o primeiro da esquerda) e o amigo que tirou a foto.

Para onde estávamos olhando???

Pra variar, os pangas... brincadeirinha!
Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

Pedal "Dia das Crianças"

O mês de outubro está chegando e o Dia das Crianças, também. Para comemorar o 12 de outubro junto com a criançada, o Ecos Bikers está organizando um passeio ciclístico pelas ruas e avenidades de Barão Geraldo, em Campinas. Para a inscrição do evento, basta doar aquele velho brinquedo (ou novo) esquecido dentro do armário e/ou material didático. Todo material arrecadado será doado para a creche Amic, localizada em Barão Geraldo. Os primeiros 100 inscritos terão direito a camiseta do passeio ciclístico. A concentração do passeio será na Praça do Coco e terá início às 9 horas.
Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Pedal Nazaré Paulista

No domingo, dia 20, o Domingueiras Bike foi até Nazaré Paulista para mais um pedal em meio à natureza. A vista foi um espetáculo ao contornar os 50 quilômetros da represa. Teve gente que se empolgou tanto com o passeio, que, pouco antes de concluir o trajeto, esqueceu da entrada do nosso ponto de partida, passando reto até o pedágio da rodovia D. Pedro. Como diz o Du Gomez, Quando não cai, desaparece. Este é o Lincoln, nosso amigo que levou outros dois estreiantes para mau caminho. Do resto, só alegria ainda mais com o churras que rolou depois da pedalada. Veja as fotos nos arquivos abaixo.

http://picasaweb.google.com.br/dudugomez/NazarePta200909#


Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

Centenas de Ciclistas participam da Primeira Bicicletada de Campinas

A primeira Bicicletada de Campinas foi um sucesso!!! Cerca de 500 ciclistas se reuniram na Praça Arautos da Paz, terça - 22 de setembro, quando se comemora o Dia Mundial Sem Carro. O objetivo do evento, além de conscientizar o motorista sobre a melhoria da qualidade do "ar", demonstrar a ele e às autoridades de trânsito que é viável uma convivência pacífica entre veículos automotores e ciclistas, já que em países desenvolvidos as bicicletas têm prioridade no trânsito, claro, depois dos pedestres. A Bicicletada de Campinas foi organizada por dois grupos de bikers da cidade: o Domingueiras Bike e o Ecos Bikers. Para a realização do passeio foram necessárias diversas reuniões para o detalhamento do percurso, assim como os pontos de descanso e a divulgação do evento.
Abaixo, link das fotos.
Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Primeira Bicicletada de Campinas

Ciclistas de várias regiões de Campinas estarão realizando na próxima terça-feira, dia 22, a primeira Bicicletada pelas ruas e avenidas da cidade. Além de chamar à atenção da população quanto a utilização ecologicamente correta da bicicleta, o evento tem a finalidade de lembrar o Dia Mundial Sem Carro. Por que não deixar os veículos automotores, pelo menos um único dia, esquecidos na garagem de casa? Parece utopia, mas com a colaboração de empresários que possam ceder transporte para o trabalhador se locomover até empresa onde trabalha, não vejo nenhuma dificuldade para tal feito. Basta vontade! Imagina ver a cidade limpa, ruas e avenidas livres do caótico e ensurdecedor congestionamento e daquela irritante buzina de motoboys que cortam e custuram as faixas de rolamento, e que muitas vezes levam (sem querer, claro) nossos espelhos retrovisores.

Reconhecimento do percurso. Foto: Du Gomez

A primeira Bicicletada de Campinas está aberta para todas as idades. Basta ter uma bike, própria, emprestada ou mesmo alugada. Para quem abandonou a magrela no quintal de casa, uma boa oportunidade para tirar a poeira dela. A distância será de aproximadamente 15 quilômetros com alguns trechos de subidas de dificuldade leve, justamente para dar oportunidade para todos participarem. A concetração do evento será na Praça Arautos da Paz, no Taquaral, às 18 horas. Haverá um carro de apoio, da Carbonic, para auxiliar algum imprevisto, como um pneu furado, por exemplo. Anote na agenda e não esqueça: dia 22 de setembro, Dia Mundial Sem Carro e dia da Primeira Bicicletada de Campinas. Bom pedal para todos.


Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

segunda-feira, 14 de setembro de 2009

Quem me viu... quem me vê.

Para quem não soube do meu "capote", há 16 dias, não acredita da tal façanha, pois a surpreendente recuperação não deixou vestígios para contar histórias. Agora, para quem me viu todo estrupiado e preocupado com o estrago em todo meu corpo, foi uma alegria ao me ver chegar no ponto de encontro de todo domingo no portão 01 da Lagoa do Taquaral, em Campinas. Foi uma festa a recepção da manhã ensolarada de ontem, às 7 horas da matina. Ainda com algumas dores na altura do tórax e no punho da mão direita, resolvi arriscar um pedalzinho leve de 68 quilômetros - Lagoa do Taquaral, Souzas, Joaquim Egídeo, Bocaina. O caminho de volta para casa foi o mesmo da ida. Confesso que os trechos de maior trepidação foram os piores momentos devido a dor que ainda sinto, porém suportável. Foi um verdadeiro teste de resistência, perseverança e, principalmente, teimosia. Teimosia? Isso mesmo. Depois do susto, eu queria que queria voltar à trilha. E voltei, mais lento e cuidadoso, porém, em grande estilo.

foto: Du Gomez

Infelizmente, o mesmo não aconteceu com o nosso amigo Jorge Maldonado. A sua estreia no Domingueiras Bike foi um tanto dolorida. Ao tentar se esquivar de um marimbondo, daqueles bem vermelhinhos e grandes, acabou caindo numa descida ao se desequilibrar. Resultado: alguns ferimentos nos braços e pernas. O ciclista foi socorrido por um motorista que passava pelo local e levado ao hospital. Medicado e liberado, Maldonado passa bem e confirma sua presença no próximo fim-de-semana. A lição que nós dois tivemos nesse período de duas semanas é que todo cuidado é pouco. Jamais confie na sua habilidade com a bike, pois nunca sabemos o que virá pela frente.

foto: Du Gomez

Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

quinta-feira, 10 de setembro de 2009

O Retorno

Olá amigos de pedal, hoje fui ver a minha amiga bike. Ainda sobre o cavalete, recebendo tratamento especial, ela olhou pra mim e eu pra ela. Sorrimos e seu "brilho" foi como uma piscada. Ela disse:
_ Amanhã receberei alta.
Portanto, aguardem-me!!! O meu retorno será mais breve do que eu imaginava. Obaaaa!!!

Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

Nova Elite 2.8


A Caloi lançou nova Elite 2.8. Trata-se de uma Mountain Bike que não deixa a desejar em termos de qualidade, performance e visual. O quadro, lembra o da Scoot, é tratado liga 7005, com tecnologia Super Plastic Forming, que permite que os tubos sejam moldados e fiquem mais leves e resistentes. Possui suspensão dianteira Tora SL 100 mm remote, com trava no guidão e câmbio traseiro Shimano Deore XT. A Elite 2.8 foi desenvolvida para os ciclistas mais exigentes e para qualquer tipo de terreno. O preço é de 2.999,00. Vale a pena conferir.
Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

terça-feira, 8 de setembro de 2009

Relato Cicloviagem

Nossos amigos do Domingueiras Bike - Roni, Denis, Ribas e Zwi - se aventuraram entre trilhas que separam Campos do Jordão à Paraty. Vale a pena conferir o relato da cicloviagem desses ciclistas corajosos. Acesse o link abaixo. Dentre as várias fotos lá postadas destaco uma muito romântica: o Zwi se engraçando com a Joaninha, ou será que foi a Joaninha que se engraçou com o Zwi??? Hummmmm... Joana, Joaninha, como você é bonitinha!!!

http://denisthg.blogspot.com/2009/08/relato-da-cicloviagem.html

Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

Bike após acidente...

Domingo, 30 de agosto, levei um capote na última descida que dá de encontro a uma ponte estreita, atrás do bairro Alphaville em Campinas. Era a segunda vez que passava pelo local, sendo que a primeira vez havia 5 meses. Claro que não me lembrava da lombada lá existente do tamanho de uma parede. A queda, inevitável, resultou em vários ferimentos nas costas, nos joelhos, cotovelos e na perna esqueda, além de colocar uma tala no braço direito. Cabeça e as palmas das mãos nada sofreram devido ao capacete e luvas, respectivamente. Ainda sinto algumas dores musculares, mas fica o aprendizado: jamais "solte" a bike em locais ou percursos que não se tem conhecimento prévio. Confiei na sorte e me estrupiei todo. Ainda bem que meus amigos de pedal lá estavam para me acudir. Foi um grande susto, mas inteiro para a próxima - queda não - trilha sim. Novamente, obrigado a todos que me socorreram e tiveram muita paciência para comigo.


Fotos: Pedro Barreto
Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

terça-feira, 1 de setembro de 2009

AGRADECIMENTO

Olá amigos,
Como vocês podem perceber, no final de cada postagem insisto colocar a seguinte mensagem: lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.
Se não fosse o capacete, eu estaria numa pior depois do acidente que sofri no domingo passado, 30/08. Portanto, para aqueles ciclistas teimosos que acham que capacete não serve para nada, estão completamente enganados. Trata-se de um acessório de suma importância para a nossa integridade física. Palavra deste que testou sua eficiência. Logo acrescentarei a foto do meu capacete nesta postagem.
Agradeço a todos os amigos de pedal pela solidariedade, apoio e paciência, inclusive ao Pedro que me levou ao Centro Médico.
Valeu turma!!!
Em breve estarei de volta para desbravar e desvirginar (como diz nosso amigo Zwi) novas trilhas.
Abraços,
Anthony
Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

quinta-feira, 27 de agosto de 2009

BICICLETADA EM CAMPINAS

Queridos amigos,
Estamos organizando a primeira BICICLETADA da cidade de Campinas. Trata-se de um movimento que acontece no dia 22 de setembro - DIA MUNDIAL SEM CARRO - em diferentes partes do planeta. No Brasil já são várias cidades participantes (para saber sobre outros locais, visite o site http://www.bicicletada.org/).

A ideia é reunir simpatizantes desse democrático e ecológico meio de transporte para chamar a atenção da sociedade sobre o uso excessivo do automóvel, além de conscientizar os motoristas sobre o compartilhamento pacífico do espaço nas ruas.

Se você se interessa pela causa, se simplesmente gosta de andar de bike, ou também, se está esperando uma boa desculpa para tirar a poeira daquela magrela esquecida na garagem, chegou a hora! O percurso vai ser tranquilo, bora pedalar! Quanto mais gente, melhor!!! Olha só: você dá uma volta pela cidade, conhece pessoais legais e, de quebra, ganha a chance de ajudar instituições de caridade com a doação de itens domésticos diversos! Imperdível!!!

IMPORTANTE: Como o evento não tem líderes, responsáveis ou patrocinadores, a divulgação está sendo feita de maneira totalmente voluntária! Divulgue para todos os seus amigos! Mais informações no site www.bicicletada.org/campinas.
Abraços e vejo vocês dia 22 de setembro, na Arautos da Paz a partir das 18h.

Obrigado!
Ricardo Faiock
______
Segue, abaixo, o percurso que deverá ser adotado na bicicletada e fotos.
Praça Arauto da Paz, Av. Dr. Heitor Penteado, Av. Júlio Prestes, Av. José de Souza Campos, Av. João Mendes Jr., R. Santos Dumont, R. Olavo Bilac, Av. Julio de Mesquita, 01 volta no Centro de Convivência, R. Gen. Osório, Av. Anchieta (pista da esquerda), Av. Orozimbo Maia (pista da direita), R. José Paulino, R. Br. Geraldo de Resende, Av. Br. de Itapura (pista da direita), R. Carolina Florence, Av. Almeida Garret, Av. Dr. Heitor Penteado e finalizando novamente na Praça Arauto da Paz. Percurso total de 15 quilômetros.
Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

Circuito das Frutas de Mountain Bike

Domingo, 23, aconteceu em Louveira-SP a VI Copa Maratona de MTB. Foi a terceira etapa da competição - edição 2009. O tempo "fechado" e a chuva, no final da prova, não incomodaram os participantes. Aliás, a festa no podium, com a entrega dos troféus, foi debaixo de muito chuva. Nem isso estragou o brilhantismo da festa. Confira os resultados da equipe Ecos Bikers (Campinas) e o vídeo abaixo.

42KM
Número
39115 RODRIGO GOMES - 02:15:37 ECOS BIKERS;
40217 RICARDO ALEXANDRE FOCCHI 02:16:28 ECOS BIKERS
48342 VAGNER DOS SANTOS 02:25:48 ECOS BIKERS

32KM
Número
4905 ELAINE DELGADO 02:25:56 ECOS BIKERS
13880 PALMIERI 02:31:13 ECOS BIKERS
5903 ROSANA CASTILHO 02:32:55 ECOS BIKERS

10 KM
Número
88 SERGIO CASTILHO 00:41:01 ECOS BIKERS


video
Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.
No último dia 15 de agosto fui para mais um passeio mega animado em Joaquim Egídio. Desta vez o pedal rendeu pelas trilhas de Malabar retornando por Girolândia, pelo menos foi isso que entendi. Há trechos que o biker tem que ter malícia, controle e experiência sobre a magrela devido a dificuldade. Pedras parecem brotar do chão, além de poças. Bem, melhor eu nem falar... veja o vídeo e tire as próprias conclusões da situação bizarra. Teve gente que reclamou muito por ter ficado para trás no último pedal... naquele eu não estava, mas nosso amigo ficou triste, muiiiiito triste... entendeu Zé!?!?


video

Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

terça-feira, 11 de agosto de 2009

Campos do Jordão à Paraty

Da esquerda para a direita: Ribas, Roni, Zwi e Denis

Integrantes do Domingueiras Bike, literalmente, suaram a camiseta do grupo de pedal após percorrerem cerca de 300 quilômetros. Entre os dias 26 e 31 de julho, os ciclistas Roni, Denis, Zwi e Ribas pedalaram de Campos de Jordão à Paraty. "Foi um momento que encontrei comigo mesmo", disse Zwi ainda emocionado ao se recordar da experiência. "Todos nós temos que experimentar um passeio igual aquele", completa o ciclista. O quarteto enfrentou temperaturas adversas, ou calor, ou muito frio. A dificuldade do trajeto também colocou o grupo a exigente teste de persistência e determinação. As subidas eram tão difíceis quanto as descidas que comprometeram as pastilhas de freio das bikes do Roni e do Denis. "Teve declives tão acentuados que tivemos de fazer o trajeto levando a bicicleta a pé pela falta de freio", afirmou Denis. Outro agravante que dificultou o equilíbrio dos "pedalantes" foi o peso que cada um teve de transportar durante o passeio. Com os objetos pessoais nos alforjes, os cerca de 25 quilos foram incômodos durante o pedal. Mas nada disso estragou a alegria, a emoção e a determinação dos ciclistas ao pedalar uma média de 70 quilômetros por dia. "A exuberante paisagem e o calor humano das pessoas que nos acolheram 'fizeram' a diferença", afirmou Zwi.
Veja as fotos no link abaixo.
Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

terça-feira, 4 de agosto de 2009

A "transparência" da felicidade de um biker

Este raio X destaca com realidade e muiiiiita "transparência" a felicidade que todos nós amantes do ciclismo ficamos ao pedalar. Irradiamos uma energia tão contagiante, que cansaço algum é capaz de derrotar nossos limites. De Rodrigo Damaceno, o "Digão", do Campinas Bike Clube (CBC), para o BlogSportBike.
Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança. Faça como nosso amigo do raio X, use capacete, luvas e óculos.

"Tire o melhor de sua bike"

A revista eletrônica Men's Health, da Abril.com, publicou no dia 22 de julho passado uma reportagem interessante voltada para nós ciclistas. Tire o melhor de sua bike é o título da matéria em que o repórter Rodrigo Gerhardt destaca, entre outros assuntos, a preparação física do ciclista, além dos ajustes da magrela e, fundamentalmente, como pedalar na rua com segurança. Vale a pena ler.
Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.

domingo, 2 de agosto de 2009

Pedreira... e que pedreira!!!


Esses últimos 15 dias de julho não foram nada estimulantes. Bastava o fim de semana chegar, que o mundo desabava. Eu, particularmente, já estava mofando dentro de casa e com total desânimo ao ver aquele dilúvio todo. Mas, enfim, a chuva deu uma trégua e partimos, felizes para o nosso ponto de encontro de todo sábado: Joaquim Egídio, distrito de Campinas-SP.
Como todo fim de semana lá estavam me aguardando, o Zé e o Waltão. Bem, para completar o quarteto, o Cidão deu "cano". Além de nós três, outros ciclistas bem entusiasmados juntaram-se a nós, ou nós nos juntamos a eles? Isso não importa, o que vale é o companheirismo de sempre em nossas pedaladas. Norberto, Rodrigo, Emerson e Ivaldo e suas respectivas bikes, somando-se às nossas, juntos partimos para o município de Pedreira. Eu perguntei: P e d r e i r a, vocês têm certeza disso??? É longe!!! A resposta foi direta: S I M. Fiquei imaginando ir à Pedreira pela rodovia que é bem complicado. Mas, aos poucos fui percebendo que pela trilha não é nenhum absurdo, pois parte do trajeto eu já conhecia. Confesso que fiquei surpreso não só pela vista deslumbrante do local, como também do percurso que é bastante radical com altos (realmente uma pedreira) e baixos (a toda velocidade). Chegamos no centro de compras da cidade turística, demos um tempinho por lá observando o movimento do local e seguimos de volta, também pela trilha, dessa vez pelas três pontes. Foram cerca de 5 horas de pedal, retornado a Joaquim Egídio às 13 horas. Valeu o passeio.
Percurso
Ida: Posto de Joaquim Egídio - Bar do Vicente - CPFL (Estação Jaguarí) - Pedreira.
Volta: - Pedreira - Três Pontes - San Conrado - Joaquim Egídio.
Distância: 55 kms. Nível de dificuldade: (Técnica) alto / (Física) alto.
Ao fundo: Ivaldo e Zé
À frente: Anthony, Waltão, Rodrigo e Emerson
Foto: Norberto



Norberto
Emerson
Rodrigo
Ivaldo

Lembre-se, amante do ciclismo, jamais esqueça os equipamentos básicos de segurança: capacete, luvas e óculos.